in

Tragédia familiar: mãe, filha de 9 anos e tio morrem durante passeio em cachoeira; caso gera forte comoção

Outros familiares que estavam no momento do ocorrido conseguiram escapar da cabeça d´água.

RIC Mais - UOL - Montagem
Publicidade

O que era para ser um passeio inesquecível acabou se tornando um pesadelo para uma família residente em Curitiba neste feriado de Tiradentes. Três pessoas da mesma família morreram afogadas em uma cachoeira na cidade de Quatro Barras (PR). As vítimas foram mãe, uma filha de apenas 9 anos, e um tio da criança.

Moradores de Curitiba, Andrea Michalski, de 46 anos, Ana Sophia, de 9 anos, e Cid Padua, de 44 anos, aproveitavam o feriado da última quarta-feira (21), com mais quatro integrantes da família, quando acabaram sendo surpreendidos por uma cabeça d´água que se formou na região da Serra do Mar. 

O fenômeno cabeça d´água ocorrem quando há um aumento rápido do nível da água, em função das chuvas. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Segundo informações repassadas por testemunhas, Andrea e Cid tentaram deixar o local, mas em função da forte correnteza não obtiveram êxito. 

Arrastados

Cid Padua tentou atravessar a extremidade com a sobrinha, e segundo o Corpo de Bombeiros, os dois foram arrastados por aproximadamente 700 metros. Já Andrea ficou presa em uma pedra, e não conseguiu se salvar a tempo. Informações dão conta que era a primeira vez que pequena Sophia visitava uma cachoeira. 

Atônitos com a situação, outros familiares conseguiram sair a tempo da água e não ficaram feridos, mas abalados com as perdas irreparáveis e trágica.

Os corpos de Andrea, Cid e Sophia foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) da capital paranaense e serão liberados ainda nesta manhã de quinta-feira (22), para a realização das cerimônias de velório e sepultamento. 

O local onde o trágico acidente ocorreu é chamado de Cachoeira do Riva, sendo um ponto turístico bastante procurado por turistas, ficando na Estrada da Graciosa. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade