in

Caso Henry: Dr. Jairinho e Monique criam perfil do menino em rede social e prometem ‘mostrar a verdade’

Henry Borel morreu na madrugada do dia 8 de março, e caso ainda segue sob apuração da Polícia Civil.

R7 - UOL - Montagem
Publicidade

A morte do menino Henry Borel completará um mês nesta quinta-feira (08). Desde o óbito, a Polícia Civil tem mergulhado nas investigações para solucionar o caso que impactou o país, tendo uma forte repercussão. As autoridades trabalham com a possibilidade de acidente doméstico ou ação criminosa que ceifou a vida da criança de 4 anos.

De acordo com informações do jornal “O Globo”, a mãe de Henry, a professora Monique Medeiros, e o atual companheiro dela, o vereador Dr. Jairinho (Solidariedade), contrataram uma equipe de profissionais especializados em redes sociais para elaborar um perfil da criança no Instagram.

A página criada traz versões dos dois sobre a morte da criança. Segundo eles, o perfil foi aberto com o nome completo do garoto, e promete contar a verdade sobre os fatos, desmentindo rumores criados nas últimas semanas.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

“Perfil criado p/ demonstrar a verdade e p/ que a justiça prevaleça sobre especulações. E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará. João 8:32”, diz a descrição do perfil. 

A página em questão foi aberta no Instagram na semana passada. Em um primeiro instante, diversas fotos de Monique com o filho foram publicadas. Nas postagens, o menino aparecia em praias, na cama, brincando, e as legendas lamentavam sua morte. 

“Você é o melhor filho que uma mãe poderia ter. Teve a melhor família que poderia ter. Você só conheceu o amor”. Todas as fotos publicadas, no entanto, foram apagadas na última sexta-feira (2).

Vídeos

Na manhã de ontem (06), quatro novos posts foram feitos na redes sociais. Em vídeos publicados, o casal é defendido por quatro supostas testemunhas. Nas imagens, as pessoas aparecem com os rostos cobertos, e desmentem as acusações feitas por um ex-namorada de Jairinho em depoimento à polícia.

Responsável pela defesa do casal, o advogado André França Barreto aparece em todos os vídeos publicados. 

Publicidade
Publicidade