in

Auxílio Emergencial: governo define quando será iniciado os pagamentos das novas parcelas do benefício

Benefício terá mais quatro cotas em 2021, mas com valores diferenciados de acordo com perfil.

Agência Brasil
Publicidade

Após uma longa espera, os brasileiros conheceram nesta quarta-feira (31) quando serão iniciados os pagamentos das novas parcelas do Auxílio Emergencial 2021. O benefício que terá mais quatro parcelas em 2021, deve contemplar quase 46 milhões de família nesta nova fase.

Segundo o governo federal, a primeira cota do programa em 2021 começará a ser paga a partir do dia 6 de abril. O anúncio foi feito após uma reunião entre o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), o ministro da Cidadania, João Roma, e os presidentes da Caixa Econômica Federal (CEF) Pedro Guimarães, e Dataprev, Gustavo Canuto.

Quem recebe primeiro

Como foi sinalizado anteriormente, o início do calendário do Auxílio Emergencial 2021 deve começar com os beneficiários inscritos no programa via Cadastro Único, do governo federal, na sequência os beneficiários inscritos via aplicativo, e por fim o grupo que integra o Bolsa Família – estes, devem receber a primeira cota a partir do dia 16 de abril, de acordo com o dígito final do NIS (Número de Inscrição Social).

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Como consultar

A partir desta quinta-feira (1º), os beneficiários poderão saber se terão ou não acesso às novas parcelas do Auxílio Emergencial. Para isso, basta acessar o Portal do Dataprev, preencher dados como nome completo, data de nascimento, CPF e nome da mãe. Feito isso, o portal informará se o beneficiário está integrando a nova fase do benefício. 

Só irá receber as novas parcelas que já estiver inscrito no programa e estava recebendo os pagamentos no ano passado. Não haverá novas inscrições. Para esta fase do Auxílio, o governo federal trabalha com um teto de gastos de R$ 44 bilhões.

Publicidade
Publicidade