in

Caso Henry: advogado do casal refuta crime; ‘existem elementos concretos’

André França Barreto deu entrevista ao Fantástico, da TV Globo, neste domingo (28).

Reprodução Globo
Publicidade

Monique Medeiros e Jairo Souza Santos, o Dr. Jairinho, foram ouvidos como testemunha no caso da morte de Henry Borel, de quatro anos. O garoto é filho de Monique e enteado de Jairinho. Laudo do Instituto Médico Legal (IML) mostrou que ele morreu em decorrência de laceração hepática e hemorragia interna.

Ainda segundo o laudo, ação contundente foi a causadora dos ferimentos. Apenas a mãe e o padrasto estavam com ele no apartamento localizado na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro, na madrugada do dia 8 de março. Levado ao Hospital Barra D’Or, o garoto chegou morto ao local.

Advogado do casal se manifesta

André França Barreto é o advogado de Jairinho e Monique. Embora eles não tenham nenhuma acusação formal, a contratação de um advogado é algo normal. O pai de Henry, o engenheiro Leniel Borel de Almeida, também contratou advogados.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

França Barreto deu entrevista ao Fantástico, da TV Globo, e mais uma vez mostrou confiar na inocência do casal. “A gente categoricamente afirma que existem elementos concretos a demonstrar que o Jairinho e a Monique não têm a menor a condição, probabilidade, possibilidade de terem feito dolosamente, ou ainda que culposamente, qualquer ato de agressão ao Henry”, afirmou.

Leniel, o pai do garoto, tem afirmado em entrevistas que quer saber o que aconteceu com o filho. Henry havia passado o fim de semana com ele e foi entregue à mãe na noite do dia 7, um domingo. Horas depois, o garoto morreu. A Polícia Civil do Rio de Janeiro investiga o caso e já ouviu 15 testemunhas.

Publicidade
Publicidade
Diogo Marcondes

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!