in

Moradores de cidade paraense ficam desolados e em choque com morte misteriosa de padre: ‘Que notícia triste’

Morte do padre José Ronaldo Brito pegou moradores de Santarém de surpresa e causou forte comoção.

G1 - Montagem
Publicidade

A cidade de Santarém, no Pará, está enlutada. No último domingo (3), a polícia foi chamada para atender uma ocorrência no bairro Bela Vista do Juá, quando encontrou o corpo do padre José Ronaldo de Brito, de 37 anos. O religioso exercia funções religiosas na Paróquia Santo Antônio de Pádua, em Belterra, e atuava como coordenador de uma Pastoral no município onde foi encontrado morto. 

A Polícia Civil foi a primeira a chegar no local da ocorrência, e posteriormente equipes da Polícia Militar e do Instituto Médico Legal também se deslocaram até a residência onde o religioso estava.

O corpo do pároco já estava em franco processo de decomposição, aparentando que já estava no local ao menos a 48 horas. De acordo com informações do perito criminal, Elinaldo Silva, uma análise preliminar não encontrou nenhum tipo de ferimento no religioso. 

Publicidade
Publicidade

José Ronaldo estava no chão, e na cama da residência havia vestígios de sangue. Ainda segundo os peritos, havia louça suja na pia, o que amplia a suspeita de que o religioso não estava sozinho na residência. O caso segue sob investigação.

Em nota, a Arquidiocese de Santarém lamentou o ocorrido, e pediu orações.

“A Arquidiocese de Santarém, envolvida pelo sentimento de consternação, vem informar o falecimento de Padre Jose Ronaldo Brito, pároco da Paróquia Santo Antônio de Pádua de Belterra. Outras informações relacionadas ao fato serão divulgadas posteriormente.
Pedimos as orações da comunidade cristã em nossa Arquidiocese”,
diz a nota assinada pelo Arcebispo Metropolitano de Santarém, Dom Irineu Roman. 

Repercussão

Nas redes sociais, ampla foi a repercussão acerca da morte misteriosa do padre José Ronaldo, que era bastante querido na região. O religioso era natural de Pernambuco.

“Que notícia tão triste, descanse em paz Rona”, disse uma internauta. 

“Deus o recebeu de braços abertos, um ótimo padre atencioso”, afirmou outra. 

“Cidade de Aliança-PE está de luto. Descanse em paz meu primo”, publicou um familiar da vítima. 

Publicidade