in

Mãe de modelo mirim acredita que filha foi sequestrada e faz desabafo comovente: ‘Pior momento da minha vida’

Jovem de 14 anos desapareceu de sua residência na madrugada do último sábado (21).

UOL
Publicidade

O caso de desaparecimento da modelo mirim Emily Dias em Itanhaém, no litoral paulista, segue cercado de grande mistério, e vem provocando grande aflição entre os seus familiares.

De acordo com informações dos pais à polícia, a adolescente de 14 anos está sumida desde a madrugada do último sábado (21). Ele encontraram vestígios de uma possível invasão na residência. O Polícia Civil e o Conselho Tutelar estão trabalhando nas investigações.

Em entrevista ao UOL, a mãe da jovem, Dayane Dias, externou os momentos de aflição vividos nas últimas horas após o desaparecimento da filha. 

Publicidade

“Cada minuto que passa me aperta o coração, porque eu não sei o que pode acontecer. Se vamos encontra-la logo, se vamos encontra-la com vida. É o pior momento da minha vida”, diz a mãe da modelo mirim.

Publicidade

Suspeita de sequestro

No depoimento às autoridades, os pais de Emily disseram que acordaram na madrugada no sábado (21), por volta das 4h, com latidos do cachorro. Ao levantar, eles encontraram uma das portas de entrada da residência aberta e com a maçaneta no chão. Ao chegar no quarto das filhas, eles notaram que Emily não estava mais casa.

“Até onde sabemos, ela também não tinha nenhum namorado. Acreditamos que ela foi levada por alguém”, disse a mãe de jovem.

Imagens de uma câmera de segurança flagraram um carro se dirigindo à residência de Emily. Contudo, por conta da distância não foi possível identificar o que ocorre. O horário das gravações onde o carro aparece, no entanto, diverge do declarado pela família. O caso segue sendo investigado pela Polícia Civil, que busca novas pistas que ajudem a desvendar o paradeiro da modelo mirim.

Publicidade