in

Jovem de 25 anos, noivo de mulher de 62, fala sobre casamento e preconceito: ‘Acham que ela é minha mãe’

André Rocha e Lucy Matsutani se conheceram através de Tinder no ano de 2013.

Veja Abril/Divulgação
Publicidade

Em entrevista à revista Veja Abril, o jovem André Rocha, de 25 anos, contou sobre como conheceu a atual companheira, Lucy Matsutani, de 62 anos. Através de um aplicativo de relacionamento, André chegou até Lucy, e afirmou que, ao ver sua foto no aplicativo, a achou atraente e com um sorriso bonito. O casal trocou números de celular e passaram a se falar com frequência.

O jovem revelou que após dois anos de conversas, o casal decidiu se encontrar pela primeira vez, e que o primeiro abraço foi demorado e marcante. A partir daí, André e Lucy passaram a se encontrar por mais vezes, sempre realizando programas diferentes juntos.

De acordo com a revista Veja, o jovem trabalhava no ramo imobiliário e cursava uma faculdade, enquanto Lucy trabalhava na feira ao lado da mãe vendendo caldo de cana. André contou, ainda, que, durante uma viagem, pediu Lucy em namoro e ela aceitou. A partir daí viria o desafio de contar aos amigos e familiares de ambos sobre a diferença de idade de 37 anos.

Publicidade

Aos poucos, fui contando à minha mãe e disse que estava namorando uma mulher mais velha. “Mais velha quanto, André?”, ela perguntou. “Mais velha que você”, disse o jovem. Aos poucos, os familiares passaram a aceitar bem a relação entre o casal.

Publicidade

André revelou que enfrentou bastante preconceito por parte de amigos, que faziam piadas imaturas e até mesmo maldosas sobre Lucy. “As pessoas que não nos conhecem acham que ela é minha mãe”, disse o jovem. Sobre os planos para o futuro, André afirmou que pretende se casar com Lucy na praia após a pandemia.

Publicidade