in

Covid-19: pesquisadores dão boa notícia sobre a vacina contra o coronavírus e internautas comemoram

Vacina contra a Covid-19 – causada pelo coronavírus – parece ser eficiente, segundo estudos preliminares.

O Globo
Publicidade

A pandemia da Covid-19, doença causada pelo coronavírus, tem gerado pânico na população mundial, especialmente porque mais de 20 milhões de casos foram confirmados a nível global. A enfermidade, que já matou quase 900 mil pessoas, não para de fazer vítimas no Brasil. Até a manhã desta sexta-feira (04), 4.047.790 de brasileiros tiveram o diagnóstico positivo para o vírus, sendo fatal para 124.746 indivíduos.

Com o número elevado de contaminados e mortos, os pesquisadores têm corrido contra o tempo para desenvolver uma vacina que seja eficaz. Nesse contexto, a Rússia parece estar à frente dos outros países. De acordo com estudo publicado na revista britânica The Lancet, a medicação russa, também conhecida como Sputnik V, parece funcionar – e sem causar efeitos colaterais graves.

Para a pesquisa, os cientistas reuniram 76 voluntários saudáveis, e os resultados foram promissores. Segundo a publicação, a vacina foi capaz de induzir uma resposta imune no organismo dos indivíduos testados. Apesar disso, os estudiosos ressaltaram que novas análises ainda precisam ser realizadas para comprovar a eficiência do produto biológico.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Estudos sobre a vacina contra Covid-19 avançam, e internautas esperam o fim do coronavírus

Após a divulgação da notícia, internautas demonstraram animação nas redes sociais e se encheram de esperanças acerca do possível fim da pandemia. “Quero essa vacina agora!“, escreveu um usuário do Twitter. “Qualquer vacina que seja eficiente é boa, independentemente de ideologias“, comentou outro. 

Publicidade
Publicidade