in

Coronavírus: vídeo mostra policiais agredindo mulher que usa máscara de maneira errada

O episódio aconteceu em um metrô de Nova Iorque, nos Estados Unidos, e as imagens se tornaram virais nas redes sociais.

Facebook/Anthony Spankdollas Davis | Reprodução
Publicidade

Um vídeo que circula de maneira viral pelas redes sociais está causando reações de indignação em todo o mundo. Em um dos metrôs do Broonkyn, em Nova Iorque, uma mulher foi agredida e imobilizada por policiais porque ela e o filho estava fazendo o uso da máscara de proteção contra o coronavírus de maneira inadequada.

Ao contrário do que recomendam os organismos da área da saúde, mãe e filho usavam o acessório de proteção à altura do pescoço. De fato, a máscara estava incorreta, e daquela maneira não possui a sua plena utilidade para reduzir as probabilidades de contágio pelo coronavírus.

Mulher é imobilizada por policiais

É possível ver um bate-boca entre a mulher e os guardas do local, que rapidamente prossegue para uma imobilização forçada. Enquanto isso, durante toda ação dos agentes, o filho da jovem fica com uma policial, vendo a mãe se debater.

Publicidade

In front her F**king child tho!!!!!!!! Come on man, how we gonna ever have respect for police when shit like this happens!!!! All because she didn't have her mask over her nose!!! @spankdollas5 https://everyright.us/ click the link, Join the movement ..

Gepostet von Anthony Spankdollas Davis am Mittwoch, 13. Mai 2020

 

Populares que estavam nos arredores sacaram os seus aparelhos celulares de imediato e começaram a filmar a ocorrência. De acordo com algumas pessoas, a mulher estaria grávida, resultando em uma gravidade ainda mair para a conduta considerada agressiva por parte dos policiais.

Publicidade

Autoridades se pronunciam sobre o caso

Segundo o jornal New York Post, uma porta-voz da polícia informou que a confusão foi iniciada pela própria mulher, que teria se recusado a usar a máscara corretamente.

 

Após a confusão, o prefeito de Nova Iorque, Bill de Blasio, usou seu perfil no Twitter para se pronunciar. Ele recordou que o uso das “proteções de rosto são importantes para proteger todos”, e não se trata de um acessório opcional, mas obrigatório para todas as pessoas que transitam em locais públicos.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
Henrique

Escrito por Henrique

Henrique Furtado é um redator que gosta de ocupar o seu tempo livre lendo notícias, e noticiando aquilo que acha mais interessante.